É Filme: Uma Manhã Gloriosa

Às vezes eu tenho a impressão de que não tenho sorte para escolher filmes... Os leitores que me acompanham sabem bem que eu sou pior para classificar um filme do que um livro, mas pessoal, não é porque eu queira ser chata, mas sim porque eu acho tudo muito parecido e muito monótono, parece até que existe uma fôrma para torná-los chatos e entediantes seja qual for o gênero proposto. Sem contar que eu já deveria ter percebido desde que recebi a indicação do filme Garota Infernal (quem quiser conferir a resenha que eu fiz clique aqui) que quanto maior a euforia a cerca de um longa, maior a chance de eu achá-lo péssimo!

Título: Uma Manhã Gloriosa
Título original: Morning Glory
Lançamento: 2011 (EUA)
Direção: Roger Michell
Atores: Rachel McAdams, Harrison Ford, Diane Kaeton, Patrick Wilson, Jeff Goldblum, John Pankow.
Duração: 107 min.
Gênero: Comédia
Becky Fuller (Rachel McAdams) é uma produtora de televisão que foi demitida de seu programa de notícias, mas consegue uma vaga para tentar levantar a moral de outro em uma nova emissora. O único problema é que para conseguir isso terá que fazer muitas mudanças, entre elas, convencer o premiado Mike Pomeroy (Harrison Ford) a apresentar matérias de moda, amenidades, de conteúdo fraco e, para piorar, ao lado de uma ex miss Arizona (Diane Keaton), seu desafeto. Com pouco tempo para reverter a queda de audiência, Becky terá que se virar para driblar o humor de seu elenco, ser reconhecida profissionalmente e ainda viver um novo amor.

Becky é uma produtora de televisão que vê seus sonhos em risco quando é demitida repentinamente. Desempregada, ela se mantém firme no propósito de ter uma carreira de sucesso, mesmo que para isso ela tenha que sacrificar a sua vida pessoal. Após algum tempo de procura, uma vaga lhe é oferecida, mas as coisas são mais difíceis do que ela esperava, pois além de ter a dura missão de salvar um programa matinal ela tem que encontrar o equilíbrio perfeito entre a ex miss Colleen, que ao que parece não entende nada de jornalismo, e o super premiado e mal humorado Mike, que está na “geladeira” da emissora, bem como, refrear a atração que sente pelo charmoso Adam, um colega de trabalho que é tudo que ela sempre sonhou ser no campo profissional. 

Eu não sei por que, mas falar do que não se gosta é pior do que falar daquilo que se admira. Relembrando as cenas do filme enquanto estou escrevendo não me lembro de uma sequer que tenha conseguido com que eu risse de verdade. Achei o longa tão infeliz que me senti ultrajada por ter assistido. A história é batida, já foi contada e recontada sob diversos prismas, fato que ao que a meu ver não só tornou a trama em uma grande junção dos mais diversos clichês que qualquer pessoa que já assistiu aos filmes da Sessão da Tarde logo seria capaz de identificar, como também, revelou a notória falta de originalidade a qual a roteirista submeteu o enredo principal que tinha tudo para ser desenvolvido de forma satisfatória. Confesso que essa falta de tato com o texto me surpreendeu muito, visto que Aline Brosh McKenna também é roteirista de O Diabo Veste Prada, filme que entrou para lista dos meus favoritos por saber dosar bem o romance e a comédia. 

É claro que ela agradou com a construção de uma personagem feminina que tem seu trabalho como uma compulsão (principalmente por ser uma faceta feminina relativamente nova e que é pouco abordada nos cinemas), mas peca quando faz disso uma característica irritante e não algo que nos faz rir e torcer para que a personagem consiga realizar seus sonhos profissionais para então relacionar-se com alguém de forma saudável, até porque Becky mostra-se uma pessoa que tem problemas com todos, incluindo, a família, amigos e seus companheiros de trabalho, dando-nos a impressão de que estamos vendo um retrato de uma pessoa doente e obsessiva por uma carreira e não apenas a história de uma mulher ambiciosa que se dispôs a fazer concessões em sua vida pessoal em busca do seu lugar ao sol. Todos esses pontos somados ao mau desenvolvimento da interação entre os personagens Colleen e Mike (que eram os únicos pelos quais eu nutria esperanças) me fizeram ter a certeza de que já não se fazem mais comédias como antes.


Uma Manhã Gloriosa é o tipo de filme que eu classificaria como sessão da tarde, mas ao contrário dos demais da categoria, este apresenta uma história mal desenvolvida apesar do grande potencial. O roteiro elaborado de forma a enaltecer a chatice da personagem principal faz com o telespectador se sinta preso a uma história de uma workaholic sem carisma, deixando de lado o principal trunfo que seria explorar a comédia presente no enredo. Em suma, o filme me deu sono durante todo o tempo e eu o recomendo a todo aquele que sofre de insônia assim como eu (risos)!


Playlist:

--- Isabelle Vitorino ---

14 comments

Diziano Machado da Conceição 28 de setembro de 2012 09:13

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk,
mesmo que eu sofra de insonia vou procurar um filme mais interessante e que não seja chato, com personagens chatos. 2011 mas a capa parece dos anos 80. abraços...

Fabi 28 de setembro de 2012 10:51

Admito que nao senti vontade nenhuma de assistir a este filme!Achei a historia muito fraquinha!
Bj

Alessandra 28 de setembro de 2012 12:21

Finalmente eu encontrei alguém que concorda que os filmes estão muito parecidos.
Faz tempo que não encontro um filme que me surpreenda, ou q me faça rir no caso de comédia, ou me assuste no caso de terror.

Samira Chasez 28 de setembro de 2012 20:43

Oi..

Eu vi esse filme e adorei e com ele dei muitas risadas e sem falar que o filme conta um elenco fantástico...

Janaina Barreto 28 de setembro de 2012 21:37

eu achei o filme até bonzinho, mas não é aquele tipo que a gente gosta de ver várias vezes e se apaixona pelos personagens, né?
infelizmente, preciso concordar com você: tenho a impressão de que os filmes, ultimamente, são todos iguais.

Beijos ;*

Leticia Tavares 28 de setembro de 2012 22:11

Eu ainda não vi esse filme, mas comprei o livro numa promoção na Walmart, mas ainda não tive tempo de ler... Mas, agora fiquei na dúvida se espero ler o livro ou não para assistir o filme

Constantino Tarouco 28 de setembro de 2012 22:13

Desconhecia a existencia desse filme, mas depois desse post talvez eu assista a esse filme, pois, adoro uma comédia. Alé disso, gosto muito dos atores e atrizes desse filme.

Paula Camargo 28 de setembro de 2012 22:36

Ain desanimo total de ver esse filme depois da sua resenha,gosto de ouvir opinioes sobre os filmes antes de vê-lo,para não me decepcionar depois.

Fernanda Mendonça 28 de setembro de 2012 23:24

Tem um livro com o mesmo, título, nao tem? ô.õ

Enfim, comédias-romanticas nao costumam fazer o meu genero, então eu entendo como você se sente.

Boa sorte na próxima vez! IUASHiAUHS

(assista O Hobbit que eu aposto que vc nao vai se decepcionar IUAHSiuaHSiuAHS eu espero nao me decepcionar, pelo menos '-')

Jadi Soares 29 de setembro de 2012 00:20

kkkkkkkkkkk
Nossa, vc nao gostou msm... kkkk
Vou assiti-lo amanha, tava passando no telecine e pus pra gravar e creio que amanha eu vá assistir. Mas me interessei pelo filme pq tem a Rachel McAdams que e uma das minhas atrizes preferidas.
bjim

Amanda.. 29 de setembro de 2012 00:29

Quanta sinceridade em.. mas isso é bom, eu sou bastante seletiva na hora de escolher um filme, vejo criticas,comentarios, o trailer, dou uma bela pesquisada..

ultimamente to meio sem tempo pra fazer isso..

Jessica Lisboa 29 de setembro de 2012 20:43

Não sei porque mas todos os filmes que há a atriz Rachel McAdams, eu fico intediada. Enfim, eu só assistiria esse para matar o tempo.

Rosana Apolonio 29 de setembro de 2012 23:29

Ah Isabelle, você sempre me faz rir com esses seus comentários em off! Já faz um tempinho que eu tinha visto o livro que é baseado no roteiro do filme e depois de uma lidinha não gostei muito da história, por isso nem me dei ao trabalho de procurar ver o filme, mas depois do que eu li na sua resenha eu notei que fiz bem, tenho certeza que não ia gostar de um filme tão tedioso assim...
;)

Anônimo 3 de março de 2013 18:27

Não bate com a realidade

Postar um comentário

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre.

- Caso tenha uma pergunta deixe seu e-mail abaixo que respondo assim que o comentário for lido.

- Caso sua mensagem não tenha relação com o post, envie para o e-mail.